Instalação do Cabo de Alarme Incêndio

Instalação do Cabo de Alarme Incêndio em um sistema de incêndio garante o funcionamento normal do sistema também dos detectores instalados. Esses cabos de alarme podem ser instalados de forma independente, mas para isso é necessário escolher o cabo de incêndio correto e fazer todo o trabalho estritamente de acordo com os requisitos estabelecidos.

Requisitos Para Instalação do Cabo de Alarme Incêndio

Os cabos do sistema de alarme de incêndio devem atender aos seguintes requisitos:

  • Resistência à corrosão;
  • A capa isolante deve evitar a propagação de chamas abertas e não deve queimar – somente é permitido derreter sem faíscas;
  • Durante o processo de fusão, uma quantidade mínima de substâncias tóxicas e outras substâncias nocivas deve ser liberada no ar.

A capa isolante do cabo deve suportar o calor intenso e estar em contato com a chama aberta pelo tempo especificado, o que é necessário para a evacuação de todas as pessoas que estiverem no local. Neste caso, os parâmetros transferidos e a transferência de dados devem ser contínuos, ou seja, o sistema deve permanecer operacional.

Ao realizar a Instalação do Cabo de Alarme Incêndio ,deve haver um enrolamento especial resistente ao calor ou caixa de isolamento na qual os cabos são instalados. Ao instalar através de divisórias e paredes, deve-se considerar a classificação de resistência ao fogo e, se necessário, um selante que resista ao calor intenso. Sua melhor aposta é passar os cabos em corrugações de metal.

Ao selecionar os cabos de alarme incêndio , a classificação ao fogo também precisa ser considerada, que pode ser a seguinte:

  • Incombustível – Com resistência ao fogo
  • O isolamento do cabo de incêndio que não emite substâncias tóxicas, fumaça durante a fusão, alta temperatura, exposição a chamas abertas
  • Possuir blindagem quando necessário para proteger contra interferências eletromagnéticas

Recursos Utilizados Instalação do Cabo de Alarme Incêndio

Para a instalação de cabos no sistema , é necessário seguir certos procedimentos

  • É estritamente proibido estender o cabo no circuito de trabalho, o comprimento do cabo deve ser calculado corretamente e, se necessário, deixar uma margem;
  • O Cabo de Alarme Incêndio deve ser feito com condutores de cobre, para ambientes com alto risco de incêndio, como oficinas industriais, recomenda-se enrolamentos adicionais resistentes ao calor ou blindados;
  • Na Instalação do Cabo de Alarme Incêndio em locais de longas distancias e que não haja suporte para o mesmo, considere o peso do cabo, e utilize o cabo de aço como base para eliminar a flacidez da linha;
    Durante a instalação, deve ser fornecida uma taxa de retração térmica igual a 10%.
  • Na seleção de cabo de detecção de incêndio, deve-se dar preferência a cabos com diâmetro mínimo de 0,5 mm, o que pode eliminar interrupções de comunicação durante quedas de tensão em redes gerais. Passe os cabos a 50 cm de distância de qualquer cabo de alimentação. Isso elimina a interrupção de todo o sistema e p possível aparecimento de interferências eletromagnéticas. Quando instalado em paredes e divisórias, deve ser utilizada uma um conduíte metálico.

Qualquer sistema de alarme requer inspeção técnica regular e manutenção. Isso possibilita determinar a integridade da rede, detectar quaisquer problemas em tempo hábil e garantir a segurança. Além disso, no âmbito da manutenção, verifique o controle visual do roteamento dos cabos, ligue para o cabo de alimentação. Os resultados da manutenção são registrados em um livro de registro dedicado e, se necessário, são realizados reparos preventivos, planejados ou emergenciais, todo o sistema é atualizado e os cabos são estendidos ao instalar equipamentos adicionais para o sistema de alarme de incêndio.

Se necessita saber mais sobre cabo de alarme incêndio endereçável ou analógico favor clicar no botão abaixo

cabo de alarme incêndio

orçamento mdmax

Perguntas Frequentes:

Qual cabo usar para alarme de incêndio?

Para sistemas de alarme de incêndio, é recomendado usar cabos específicos para esta finalidade, como cabos FPLR (Fire Power Limited Riser), que são resistentes ao fogo e cumprem normas de segurança.

O que é a norma NBR 17240?

A norma NBR 17240 estabelece os requisitos para sistemas de detecção e alarme de incêndio, incluindo o projeto, instalação, funcionamento e manutenção desses sistemas no Brasil.

Onde colocar a placa de alarme de incêndio?

A placa de alarme de incêndio deve ser colocada em locais visíveis e de fácil acesso, próximo aos pontos de acionamento manual do alarme, entradas e saídas de emergência e áreas de circulação comum.

Qual a altura da central de alarme de incêndio?

A central de alarme de incêndio deve ser instalada a uma altura que facilite a operação e a visualização dos indicadores, geralmente entre 1,40 m e 1,60 m do piso acabado.

Onde deve ficar o alarme de incêndio?

Os alarmes de incêndio devem ser instalados em locais estratégicos, como corredores, áreas comuns, saídas de emergência e em cada andar do edifício, de modo a garantir a cobertura completa do ambiente.

É obrigatório ter alarme de incêndio?

Sim, a instalação de sistemas de alarme de incêndio é obrigatória em diversos tipos de edificações, como edifícios comerciais, industriais e de grande circulação de pessoas, conforme as regulamentações locais de segurança contra incêndio.

O que diz a norma NBR 8400?

A norma NBR 8400 especifica os requisitos e procedimentos para inspeção, manutenção e recarga de extintores de incêndio no Brasil.

Qual a NBR de incêndio?

Existem várias normas NBR relacionadas a incêndio, como a NBR 17240 para sistemas de detecção e alarme de incêndio, a NBR 13714 para sistemas de hidrantes e mangotinhos, e a NBR 10898 para iluminação de emergência.

O que diz a NBR 16820?

A NBR 16820 trata dos requisitos para sistemas de proteção contra incêndio, incluindo o planejamento, projeto, instalação e manutenção dos sistemas de segurança contra incêndios.

Qual a definição correta de alarme de incêndio?

Um alarme de incêndio é um sistema de dispositivos interligados que detectam a presença de fogo ou fumaça e alertam os ocupantes do edifício, permitindo uma evacuação segura e rápida.

Como funciona o sistema de alarme de incêndio?

O sistema de alarme de incêndio funciona detectando sinais de incêndio, como fumaça, calor ou chamas, através de sensores específicos. Quando detectado, o sistema emite alertas sonoros e visuais para evacuação e pode acionar sistemas automáticos de combate ao incêndio.

Onde deve ficar localizada a central de alarme?

A central de alarme deve ser localizada em um lugar de fácil acesso e visibilidade, preferencialmente próximo à entrada principal do edifício ou em uma sala de controle, permitindo um rápido controle e monitoramento do sistema.

Quantos decibéis tem um alarme de incêndio?

Um alarme de incêndio geralmente opera em torno de 85 a 120 decibéis, dependendo do tipo de alarme e do ambiente onde está instalado, garantindo que o som seja suficientemente alto para alertar todas as pessoas no local.

Quais os tipos de alarme de incêndio existente?

Os principais tipos de alarme de incêndio incluem:

  1. Alarmes manuais, acionados por meio de botoeiras.
  2. Alarmes automáticos, ativados por detectores de fumaça, calor ou chamas.
  3. Sistemas endereçáveis, que identificam a localização específica do alarme.
  4. Sistemas convencionais, que dividem o espaço em zonas de detecção.

Veja Também:

Cabo de Alarme incêndio 4 vias

Cabo Blindado Sistema Alarme de Incêndio

Cabo Para Alarme de Incêndio Endereçável

 

Botão Voltar ao topo